terça-feira, 15 de janeiro de 2008

As frases dos outros: tudo cabe


«Cabe, cabe. Quando um homem quer tudo cabe. É preciso é vontade.»


Ora bem, esta frase foi dita por uma amiga a um empregado de restaurante. O contexto? Perfeitamente inócuo. Caberia uma cadeira na nossa mesa, num espaço extremamente apertado entre a mesma, a parede e a mesa ao lado? Aparentemente sim, o senhor tinha boa vontade. E quis que a cadeira coubesse. Logo, coube. Mas terá sido o comentário assim tão inocente? A mesma frase, pode ter várias interpretações. Tudo depende do contexto. Mas não apenas do contexto. Também do tom. E, meus caros dois ou três leitores, digo-vos já que o tom não foi inocente. O tom foi extremamente jocoso, na verdade - sejamos subtis, daqui cada um entenderá aquilo que lhe aprouver. O homem ficou envergonhado. Fugiu da nossa mesa para nunca mais voltar.

Nós, três mulheres juntas, claro que rimos até à exaustão. Não só pelo choque que comentário tão inocente, relativo a uma cadeira, provocou num senhor de idade provecta, mas por saber que esse mesmo choque adveio dos nossos «ares». Na verdade, temos ar de santas (se não concordar, prezado bloguista, é favor dirigir-se ao livro de reclamações abaixo, em comments), todas as três. Mas a que de nós proferiu a dita frase - que de tão inofensiva até enjoa - é aquela que um ar mais virginal possui. Penso que este foi o principal motivo do ar de medo que o senhor - seria Vietnamita? - espelhou na sua cara.

Resumindo: o empregado mudou. Em seguida calhou-nos um mais jovem. Também ele sofre um ou outro comentário um tanto ou quanto mais perverso, associado a alguns sons algo guturais provenientes das nossas lindas bocas. Também ele nos queria abandonar passado pouco tempo. O difícil foi pagar a conta.

Mas a noite foi agradável. E, após séria ponderação, concordámos nesse facto: com força de vontade, se um homem quer, tudo cabe. Que é como quem diz: «O Homem sonha, a obra cresce.» Ou era nasce?


Um comentário:

Extra jalapenooooooo disse...

lollllllllllll
Opá assim não dá!Quando é que jantamos outra vez??? Vocês são óptimas!!! Ainda bem que já não sou a única desbocada...já me posso reformar.
Espero ver-vos hj suas vacas!
bjs bjs